skip to Main Content
duende@divagacoes.org

A Sacerdotisa

Olá-Como-vai-tudo-bem?


Eu estou ótimo, muito feliz de estar no blog chique do duende-amigo cheio de firulas e mafagafos. Mas não estamos aqui pra discutir web-design, parlemos então sobre ela, a famigerada energia. 

As considerações aqui são básicas, mas até as Torres Gêmeas tinham uma fundação muito boa pra chegar na altura que chegaram…. nham.. talvez eu devesse escolher um outro exemplo sobre a importância de ter bases sólidas…

 

Enfim, vamos lá: No nível mais simples consideremos a oposição binária:

Energia Pessoal /Energia Não-Pessoal. 

 

Energia pessoal.. bem é a sua energia oras bolas. Mas que coisa viu.

 Energia Não-Pessoal: aqui temos o termo guarda-chuva para um número enorme de diferentes tipos, por exemplo: divina, elemental, planetária, etc.

É claro que, no fim, podemos considerar tudo como uma coisa só: energia. Mas deixemos este nível de abstração para o futuro e operemos com elementos mais tangíveis. 

 

Mas ai, perguntam-me: Caro Imago, Comofas? Como usar essas coisas? 

A resposta é simples, e até o mestre yoda já falou:

 

1- Use your feelings.

Continue lendo
Back To Top
Search