skip to Main Content
duende@divagacoes.org

O Carro

Ave Caesar!

 Como vão todos, ó meus colegas tecelões ?

 Espero que fazendo coisas produtivas, ou apenas curtindo a vida…. tanto faz, really.

 Os livros sibilinos profetizaram que hoje falaríamos sobre os antigos rituais egípcios e, portanto, não os decepcionemos: hoje é dia rave.

 Retomando posts anteriores, começamos por aprender a sentir nossa energia, caminhamos em utilizá-la, trabalhamos com energias “semi-estaticas” de locais, consideramos – ainda que brevemente – as energias de uma egregora, e agora a proposta é canalizarmos um verdadeiro turbilhão.

 Nas palavras de minha grande amiga Mary Wilson: 

Experimento 2: Muito Glamour.

 

Bom vamos aos fatos: concentrações de gente dançando = energias fervilhando.

Até a Alta Sacerdotisa dos Mistérios Eleusis, Lady Gaga já falou sobre isso:

“Shawty I can see that you got so much energy”.

Posta-se a questão: Por que então não usar isso para fazer algo legal?

Comecemos com um “truque” simples, conhecido como: “Look at Me” – concentre-se em canalizar a energia do local a sua própria volta, criando um campo energético irradiando de você. Caso você tenha aptidão – ou concentração – suficiente, pode modelar essa energia carregando-a com sentimentos que você deseja despertar ou que sejam percebidos vindos de você: felicidade? medo? tristeza? tesão? rs.

 

Claro que existe alguns empecilhos: nem todos são capazes de concentrar com 120 decibéis em volta, ou mesmo com pessoas dançando e esbarrando ao redor. A melhor coisa a se fazer e exercitar meditação bastante antes de aventurar-se em locais públicos, caso você se enquadre nos quesitos acima.

Por outro lado, existe o problema psicológico da necessidade de ritualização da magia: É possível dançar Psi-Trance enquanto Trançamos a realidade?

Aos que precisam fazer coisas certas e determinadas, deixo-lhes um ritual muito interessante:

1- Levante a mão esquerda e olhe para o quadrante norte: respire profundamente

Sinta sua própria energia.

2- Dê um passo para frente com o pé direito, e face o quadrante sul: Chame pelas salamandras, invocando o poder do fogo.

3- Mova-se e aponte seu braço direito para o oeste: e apontando o dedo indicador invoque a luz de Sirius, e o brilho das estrelas.

4- Por fim, de um passo para o lado com pé esquerdo, e faça com as mãos um simbólo de poder.

Ao final você deverá estar assim:

twister

Au Revoir.  

This Post Has One Comment

Deixe uma resposta

Back To Top